domingo, 1 de fevereiro de 2009

Regicídio de 1 de fevereiro de 1908



O Regicídio de 1 de Fevereiro de 1908 ocorrido na Praça do Comércio (Terreiro do Paço), em Lisboa, marcou profundamente a História de Portugal, uma vez que dele resultou a morte do Rei D. Carlos e do seu filho e herdeiro, o Principe Real D. Luís Filipe e uma nova escalada de violência na vida pública do País.

Este regícidio deveu-se à forte expansão do Partido Republicano Português, que tinha como principal objectivo a substituição do Regime, e também à conjuntura económica, política e social por que Portugal passava durante a ditadura de João Franco.

Subiu ao trono D. Manuel II, que demitiu logo o governo de João Franco e formou o governo da Acalmação presidido pelo contra-almirante Ferreira do Amaral.

Passados 2 anos viria a ser proclamada a República Portuguesa.


Curiosidade: Os regicídas foram Manuel Buiça (que atingiu mortalmente o Rei com um tiro na nuca) e Alfredo Costa (que atingiu o príncipe Luís Filipe).


Rei D. Carlos
































Príncipe Luís Filipe

Fontes:

Texto: Gonçalo Faria

Imagens: wikipédia
http://www.regicidio.org/indexmain.htm


Gonçalo

1 comentário:

  1. Vai tarde mas vai! Gostei,como te disse! Oportuno e bem estruturado-documentado. FM

    ResponderEliminar