sexta-feira, 28 de Novembro de 2008

Barco a vapor



Construído em 1913, o Benjamim Guimarães navegou nas águas do Rio São Francisco de Pirapora a Petrolina e Juazeiro, até ser desativado. Restaurado em 2004, voltou a fazer passeios turísticos somente na região, sendo hoje a única embarcação a vapor ainda em circulação no mundo.






A criação do barco a vapor dificilmente pode ser creditada a um inventor particular, pois a adaptação do motor a vapor para propulsão de embarcações foi tentada por vários projectistas, tanto na Europa quanto na América. Esta invenção propiciou o sonho de mover grandes embarcações sem depender dos ventos.

Diferentes fases da invenção do barco a vapor:

Tal invenção é por vezes atribuída a Henry Bell, projectista do Comet, um vapor propelido a rodas que transportou passageiros no rio Clyde, na Escócia, em 1812. no final do século XVII.

O inventor francês Denis Papin esboçou planos para um barco a vapor com rodas de pás giratórias, acionadas por um simples motor a vapor.

Em 1712, Newcomen projectou o motor a vapor que passaria a ser conhecido por seu nome.

O primeiro êxito real ocorreu em 1783, quando o Pyroscaphe, um vapor equipado com rodas, navegou durante 15 minutos contra a corrente do rio Saône, na França.

O sucesso comercial do barco a vapor viria finalmente no mesmo ano, com o projecto do americano Robert Fulton. O desenvolvimento da navegação a vapor caracterizou-se depois disso pela construção de navios cada vez maiores e mais potentes.



Em 1819, um barco a vela equipado com um motor a vapor atravessou o Atlântico.



Carolina

6 comentários:

  1. Muito giro! Informativo e com a novidade do Benjamim! Não sabia. Vejam no "Temposnotempo" uns posts sobre os "steamers".

    ResponderEliminar
  2. Muito giro! Informativo e com a novidade deliciosa do Benjamim. Não sabia! Vejam no "Temposnotempo" uns posts sobre os "steamers".
    FM

    ResponderEliminar
  3. Obrigada, eu sou uma aluna do sexto ano e precisava muito desse tema...
    Foi uma grande ajuda!!
    Uma informação bem elaborada...

    ResponderEliminar